Processo de José Pacheco

Crime/Acusação

sodomia

Data da prisão

05/07/1652

Estado civil

solteiro

Estatuto social

cristão-velho

Idade

24 anos

Mãe

Cecília Manuel

Morada

Ribeira Grande, Açores

Naturalidade

Ribeira Grande, Açores

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Francisco Pacheco, lavrador, juiz dos orfãos

Sentença

auto-da-fé privado de 20/12/1652, confisco de bens, degredo de 7 anos para o Brasil, penitências espirituais.

Cargos, funções, actividades

ex-pajem, lavrador