Processo de André Fernandes

Crime/Acusação

blasfémias

Data da prisão

09/12/1589

Estado civil

solteiro

Estatuto social

cristão-velho

Idade

23 anos

Mãe

Maria Fernandes

Morada

Lisboa

Naturalidade

Madrid

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

João Riconte, lavrador

Sentença

auto-da-fé de 17/06/1590. Ir ao auto-da-fé descalço, com a cabeça descoberta e com vela acesa na mão, degredo para as galés, por seis meses, confessar-se todos os meses, entregue a um religioso por dois meses para instrução na fé católica, penitências espirituais, pagamento de custas.

Cargos, funções, actividades

soldado da galé [Ladrona]